sábado, agosto 12, 2006

Divagando...


(A história que não vivi)

Tempo ocioso, mente ativa ... Aqui estou a olhar para o horizonte, olhar distante, pensamento longe ... Saudade, arrependimento, ansiedade .... Combustível pra minha solidão que me leva a viajar em minhas lembranças, olhos molhados, vida seca, coração dilacerado. Possibilidades não vividas, história interrompida, esperança quase sem vida.
A distância separa duas vidas, rumos diferentes, encontros casuais, amizade aparente, amor escondido nas impossibilidades. Dói-me, machuca e corrói imaginar alguém a ocupar o lugar onde eu queria estar. Em meu coração ninguém consegue preencher o vazio que deixaste. Enquanto isso a vida vai e vem e eu busco achar alguém que me faça esquecer essa saudade que sinto de você.
Esse amor me fez pensar no futuro, numa vida a dois, esse amor me fez flutuar, sonhar, esse amor me fez acreditar que vale a pena viver pra amar. E nessa "brincadeira de gente grande" em que vivo hoje o que me mata é o amor da adolescência. Amor interrompido pelo destino, agora fico nesse desatino a buscar respostas do porque da separação.
Mas o último suspiro de minha esperança me traduz a certeza que se ainda não vivi essa história um dia viverei!


Bibiana Zaparolli

Nenhum comentário: