terça-feira, maio 17, 2011

O príncipe que virou sapo

"Aos meus olhos o belo moço, perdeu o encanto, perdeu a beleza... As atitudes dele fizeram-o uma pessoa feia, desagradável... Pois é, o príncipe virou sapo..."

Certa vez conheci um rapaz. Aparentemente um verdadeiro príncipe. Boa aparência, bem vestido, cheiroso (afinal homem cheiroso é o que há) além disso ele era culto. Falava e agia como o homem dos sonhos de qualquer mulher.
Pois é, essa foi a primeira impressão, mas não foi a que ficou...
Não levou muito tempo, eu percebi que aquele rapaz não passava de um menino imaturo e  mimado que valorizava muito mais o dinheiro e poder do que qualquer  principio e valor.
Dialogar com ele era algo impossível, pois ele era adepto de monólogos, sempre com o mesmo tema: ELE... Ele jamais esquecia de enfatizar o quanto ele era bom, loiro, alto, atlético, conquistador, inteligente, viajado, enfim, o quão ele era perfeito (lógico na visão dele, ah e da mãe dele também hehehe).
Logo percebi que aquele "maravilhoso" moço não tinha amigos. Mas só podia né, o cara era  muito CHATOO!
O rapaz vivia em um mundinho, onde ele era o centro da atenção, mundinho no qual ter é mais importante do que ser, onde se dá valor ás coisas pelo que valem e não pelo que significam...
Contudo aos meus olhos o belo moço, perdeu o encanto, perdeu a beleza... As atitudes dele fizeram-o uma pessoa feia, desagradável... pobre criatura, não tenho apresso, não tenho raiva, tenho é dó... pessoas assim precisam é de um choque de realidade!
Pois é, o príncipe virou sapo...
Nunca mais falei com ele, não tenho nenhum contato com ele, é como se ele não existisse...
É como li em algum lugar certa vez: A melhor vingança é o esquecimento. Afinal, quem é você mesmo?

Bibiana Zaparolli

2 comentários:

telhadosurreal disse...

"Oh, love, to stay with you I'd be a fool."

Cαmilα ♥ disse...

Hushaushauhsaush!
Mala sem alça é tenso! Sou adepta: Já que o príncipe não te valoriza, dê uma chance para o sapo te fazer feliz.

Quiamooocê!